Área de Login

  • Anunciante:
  • Creci:
  • Senha:


Elas decidem. Mulheres tem a decisão final na compra de um imóvel - Comércio Imobiliário


Página Inicial > Notícias > Elas decidem. Mulheres tem a decisão final na compra de um imóvel

Busca

  • Finalidade:
  • Interesse:
  • Estado:
  • Cidade:
  • Bairro:
  • Quartos:
  • Valor R$:
     
  • Palavra-chave:
  • Código do imóvel:

Newsletter

Cadastre-se para receber as novidades do nosso portal.

  • Nome:
  • E-mail:
  • Profissão:

Enquete

Parceiros

Você precisa ter o Flash Player instalado para visualizar partes deste site.
Clique aqui para instalar o seu Flash Player.
Após ter instalado o seu Flash Player, feche o navegador e acesse nosso site novamente.

Notícias

Publicada em: 04/08/2015 às 15h37 - Modificado em: 04/08/2015 às 15h45

Elas decidem. Mulheres tem a decisão final na compra de um imóvel




Elas decidem. Mulheres tem a decisão final na compra de um imóvel

Comprar ou não comprar um imóvel? Elas decidem!

Nas decisões de compra de um imóvel, a situação não é muito diferente. Uma pesquisa realizada pelo Data Popular mostrou que, nos dias de hoje, são as mulheres que “batem o martelo” para dizer se um imóvel será comprado ou não. Muita gente tem a impressão de que escolher uma casa, um apartamento ou um terreno é “coisa de homem”, mas essa ideia realmente não passa de impressão.

Investir em um imóvel é um assunto extremamente sério, não importa se a intenção é morar nele ou vendê-lo após alguns anos de valorização. É algo que muda completamente o panorama das finanças do casal, portanto, é necessário um planejamento intenso para que o orçamento não entre em crise e a escolha seja boa.

Mas, afinal, esse poder de decisão das mulheres na compra de imóveis é um reflexo apenas das mudanças nos papéis femininos e masculinos na sociedade? Não! Além de as mulheres estarem assumindo posições de liderança, seja no trabalho, na família ou na vida pessoal, existem outras razões que fazem com que elas sejam ótimas para comprar imóveis:

No geral, são mais cautelosas do que os homens. Leem os contratos com calma antes de assinar, levam-nos para casa para poderem revisar todas as cláusulas, pedem auxílio para alguém que entenda mais do assunto. Boa parte dos homens opta pela praticidade e agilidade.
São mais detalhistas ao avaliar a estrutura do imóvel, conseguindo detectar os problemas aparentes. As mulheres demoram mais quando vão visitar o local, pois fazem questão de analisar cada canto e se certificar de que é a melhor opção!
Não têm preguiça de pesquisar! Quando as mulheres precisam comprar roupas, por exemplo, vão a todas as lojas necessárias até encontrar a peça perfeita, diferente dos homens, que querem se livrar logo da tarefa. É claro que, em relação aos imóveis, as coisas mudam um pouco, mas as mulheres mantêm o hábito de procurar o maior número possível de opções.
Elas observam melhor a localização do imóvel, se tem comércios e serviços próximos, se não fica muito longe da escola das crianças, se a vizinhança é segura e todo o resto para garantir que a família estará bem de moradia, ou se fará um investimento que, de fato, seja rentável.
Talvez a característica que mais diferencie o comportamento das mulheres nesse tipo de compra é que elas realmente são bem conduzidas pelo emocional. Por exemplo: uma propaganda de uma imobiliária que queira atingir as mulheres vai falar de família, de lar! Enquanto isso, se o objetivo for persuadir um homem, vai falar do quanto o imóvel pode se valorizar ao longo do tempo.

 

Mulheres que moram sozinhas

Outro motivo que começou a levar as mulheres a entenderem cada vez mais a respeito da compra de imóveis é o fato de que muitas saem da casa da família para morarem sozinhas. Atualmente, se casar não é mais o sonho de todas elas, muitas preferem investir na carreira e nos estudos, tornam-se independentes e precisam achar um local para morar.

Nesses casos, elas tomam a decisão sozinhas e estão se mostrando muito seguras para isso. Se você está pensando em dar esse passo, confie em si mesma, nas suas convicções e opiniões, pesquise e tenha a certeza de que é totalmente capaz de fazer uma boa escolha, principalmente porque o imóvel deverá satisfazer apenas as suas necessidades.

A verdade é que investir em imóveis, por ser algo que interfere na vida e no futuro, ainda é algo que assusta muitas mulheres, isso é completamente normal. Mas não há motivos para pânico. Uma boa dica para as “marinheiras de primeira viagem” nesse quesito é começar do ponto de vista financeiro. O ideal é que a parcela de um imóvel não comprometa mais do que 30% do orçamento mensal.

Sendo assim, procure imóveis que estejam dentro do seu padrão de ganhos e pesquise muito. Use a sensibilidade e a intuição feminina e tome a sua decisão.

 

Elas querem praticidade

Independentemente de a mulher procurar um imóvel para morar sozinha ou com a família, o que se nota é que elas sempre dão prioridade ao quesito praticidade. Afinal, com tantos compromissos, o tempo da mulher não é mais integralmente dedicado aos cuidados com a casa, por isso, tudo que puder ser mais fácil, é bem melhor.

As mulheres naturalmente tendem a observar como é a divisão da casa ou apartamento, o espaço existente para transitar entre um cômodo e outro, se os móveis que elas têm poderão ser colocados naqueles ambientes. Aliás, elas dão atenção até para o material do piso, pintura das paredes e do teto, pois, o que é muito difícil de manter bem limpo e com um aspecto bonito, já cai vários pontos no conceito.

Criteriosas, dispostas, curiosas, exigentes e com um capital cada vez maior: é assim que as mulheres estão conquistando o mercado imobiliário, obtendo muito sucesso nessa empreitada. As mulheres estão se mostrando corajosas e provando que não se preocupam apenas com futilidades, mas que também sabem investir bem o seu próprio dinheiro ou o da família.

E, diante de tudo isso, de tantos fatos comprovados, nenhuma mulher precisa se intimidar diante da necessidade de escolher um bom imóvel para investir, pois sabe que vai conseguir se superar.


por /~epbspcom/blog/elas-decidem-mulheres-costumam-ter-decisao-final-na-compra-de-um-imovel/